quinta-feira, 5 de maio de 2011

Homicídio é a principal causa de morte entre jovens



A pesquisa Mapa da Violência 2011 aponta que 73,6% das mortes entre jovens são provocadas pelas chamadas causas externas (homicídios, acidentes ou suicídio), com destaque para os homicídios (39,7% do total de mortes).
Pelo relatório, apresentado nesta quinta-feira em audiência pública da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara, os estados com maior índice de mortes violentas de jovens são Espírito Santo e Paraná (com 83,2% e 81,8%, respectivamente).O sociólogo Júlio Jacobo Waiselfisz, diretor de Pesquisa do Instituto Sangari, disse que as mortes por essas razões não passam de 9,9% entre as demais faixas etárias. "A história da violência no Brasil é a história de extermínio da sua juventude", afirmou.
Segundo Waiselfisz, a situação entre os jovens é muito grave, mas a violência no país afeta todas as faixas etárias. "Temos no Brasil 50 mil homicídios por ano, um número muito superior ao verificado nos conflitos bélicos atuais", observou.
Segundo dados do mapa, em 2008 houve 26,4 homicídios para cada 100 mil habitantes (considerando todas as faixas etárias) e  50 para cada 100 mil na faixa etária dos 15 aos 24 anos. "Mais de 10 homicídios para cada 100 mil habitantes já configura uma epidemia de violência. Todo os estados do Brasil estão em situação epidêmica", acrescentou o sociólogo.
O Mapa da Violência 2011 faz uma análise dos registros de homicídios no pais de 1998 a 2008.
Fonte: Agência Câmara







Via: www.guiame.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO PELA VISITA.