sexta-feira, 1 de julho de 2011

Cantor sertanejo bate carro e diz que estava "sofrendo por amor"


O cantor Rangel da dupla sertaneja Ronny e Rangel, foi preso nesta quinta-feira (30) por suspeita de dirigir embriagado na Rodovia dos Bandeirantes, em São Paulo. O cantor seguia para a cidade de Piracicaba quando bateu em um veículo e depois, segundo a polícia, fugiu a 160 km/h.



Nesta sexta-feira (1) Rangel se justificou através de um post no Facebook, dizendo que o acidente aconteceu por que ele estava "sofrendo por amor"



"To sofrendo por amor, bebi por sofrer de amor, e errei sim ao pegar o carro e sair sem estar consciente do que eu estava fazendo, peço desculpa aos meus fãs e amigos. @rangel cantor"



De acordo com informações do site G1, Rangel havia discutido pelo celular com sua noiva, que mora em Piracicaba, bebido e em seguida pegado a estrada para a cidade de sua namorada.



A assessoria diz que Rangel tomava remédios para a garganta, e que o efeito do álcool foi potencializado pelos medicamentos, resultando no acidente.



A policia encontrou uma garrafa de vodca e remédios no carro do cantor, que ao ser abordado não estava em condições de ficar de pé e teve que ser carregado para prestar depoimento.



Caso o exame clínico do Instituto Médico-Legal (IML) acuse que Rangel estava embriagado ele pode ser indiciado e processado por dirigir bêbado, perder sua carteira de habilitação e cumprir pena de seis meses a três anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO PELA VISITA.