terça-feira, 5 de abril de 2011

Programa pretende capacitar 100 mil mulheres para o mercado de trabalho até 2014.

O Ministério da Educação informa que mulheres de baixa renda de todas as regiões brasileiras terão acesso à educação profissional e à elevação da escolaridade.
A meta é capacitar 100 mil mulheres para o mercado de trabalho até 2014.
O atendimento será feito nos institutos federais de educação, ciência e tecnologia, por meio do programa Mulheres Mil.
A formação profissional desse grupo levará em conta as necessidades educacionais de cada comunidade e a vocação econômica regional.
De acordo com o Ministério da Educação, o projeto-piloto já atendeu mais de mil mulheres das regiões Nordeste e Norte.
Além disso, o órgão informa que o programa deve ser estendido a outros países de língua portuguesa, como Moçambique.

Um comentário:

OBRIGADO PELA VISITA.