sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Cidade isralense próxima onde Jesus viveu proíbe árvores de Natal


Prefeito judeu disse que decoração natalina é "provocação" dos árabes de Nazaré Illit.

A cidade de Nazaré Illit, que fica nos arredores onde Jesus Cristo passou a infância segundo a tradição cristã, proibiu nesta quarta-feira (22) a montagem de árvores de Natal em locais públicos. O prefeito local considera o símbolo natalino "uma provocação" da parte dos árabes.

Nazaré Illit (Alta Nazaré) fica ao lado da cidade onde, segundo a Bíblia, nasceu Maria e onde Jesus passou a maior parte de sua vida. As duas localidades no norte de Israel contam com fortes minorias cristãs, apesar da maioria da população de Nazaré Illit ser judaica e a de Nazaré ser majoritariamente muçulmana.

O prefeito Shimon Gapso disse que "o pedido dos árabes de colocar árvores de Natal nas praças do bairro árabe de Nazaré Illit é uma provocação".

- Nazaré Illit é uma cidade judaica e isso não acontecerá, nem este ano, nem no próximo, enquanto eu for prefeito. Nazaré fica aqui ao lado e podem fazer isso lá.

Decisão revolta moradores árabes

Estas declarações aborreceram os árabes cristãos da cidade, como Aziz Dahdal.

- Este racismo que rejeita as árvores não é nada comparado com o racismo real que sofremos aqui.

Outro morador, Shukri Awawdeh, que é vereador e muçulmano também lamentou a decisão do prefeito.

- Explicamos que decorar uma árvore é apenas uma maneira de compartilhar da alegria e felicidade com os outros habitantes da cidade. As pessoas aqui vivem em harmonia, judeus, cristão, muçulmanos, mas quando um prefeito faz isso, não resolve as coisas.

Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO PELA VISITA.